.
.
.
.................................
Aqui a poesia é amadora. A música e a fotografia, amadoras. Tudo dentro deste peito é amador.

.

domingo, 19 de setembro de 2010

Beré brinca de poeta

ziris ziris ziris ziris ziris...

É o barulho que fazem as pernas do grilo...

É também o Quintana desfiando estrelas, bonito isso né?

...~... 

Bonita é a maneira como você me ouve!
Alminha boa...

6 comentários:

  1. Ai esses poeminhas,
    Que mais parecem brincadeiras quintaneira de quintal...!

    São em verdade a mais pura reflexão humana do viver.

    Terno eu?
    Ternura você!

    Um abraço apertado e ziriseiro.

    ResponderExcluir
  2. Tão delicado, um beijo linda flor!

    boa semana

    ResponderExcluir
  3. Ai ai tão amoroso, eu senti amor nesse poema, acho que de tudo que seja delicado eu senti.


    :)

    ResponderExcluir
  4. Eu já ia arriscar o sétimo passo em direção ao abismo quando parei pra te ler.

    Quem é esse Beré hien? médico... Pq esse cara tem uma pinta de Doutor. Só que transcende a visão clínica.

    Ele ensina tipo...o verdadeiro significado das palavras de cura. Ah vai ver esse maluco se especializou em sensações extracorpóreas.


    Vê com ele aí se ele atende uma alienígena?

    rs


    Te abraço com amor Zi.

    Te abraço com assombro Beré.


    Tua visão me espanta.


    Beijos e abraços meus.

    ResponderExcluir
  5. Eita que belezura de lindeza.
    adorei. hehe

    Beijos, Ziris querida!

    ResponderExcluir
  6. E não é que o grilo te chama mesmo...desses grilos que parecem uma esperança..né...bem sei.

    Bjinhos para a menina.

    ResponderExcluir